segunda-feira, 25 de agosto de 2014

DESAFIOS EXISTENCIAS

Toda existência é oportunidade de aprendizado para todos nós, que partimos um dia do mundo espiritual a fim de realizar essa experiência ímpar chamada vida.

A vida, esta do lado de cá da existência, tem um propósito claro e inequívoco aos olhos de Deus: o de nos oferecer chances de progresso e melhoria pessoal.

Ao nos criar Espíritos imortais, nos fez a todos simples e ignorantes... Ou seja, sem capacidades intelectuais ou morais pré-determinadas.

Desta forma, a pergunta que mais nos ocorre é a seguinte: de onde vêm os nossos pendores, os dons com os quais nascemos, ou as virtudes e paixões que trazemos na alma?

Se somos criados todos iguais, por que somos aqui na Terra tão diferentes uns dos outros? Por que, irmãos gêmeos, sob a mesma educação, os mesmos pais, são tão diferentes?

Ao nascermos novamente, ao retornarmos à experiência de nascer, trazemos conosco toda uma bagagem que adquirimos nos caminhares que já fizemos em nossa história.

Trazemos no cofre de nossa alma todos os tesouros e todas as quinquilharias que, porventura, fomos juntando nos nossos caminhares, pelos caminhos que já percorremos ao longo de nossas existências.

Assim, todas as nossas virtudes e todos os nossos sentimentos são conquistas feitas em algum momento de nossa história, e que hoje trazemos para mais este capítulo do livro que estamos escrevendo desde muito.

Se hoje sentimos raiva, vingança e ódio, se temos inveja ou ciúmes, são desvalores que adquirimos por opção própria, e que ainda fazem parte de nossa estrutura emocional.

Por outro lado, se trazemos na alma a doçura, a compaixão pelo próximo, a benevolência no olhar, são resultantes dos esforços que fizemos para adquiri-los e tê-los na intimidade da alma.

Se hoje percebemos em nós sentimentos que já não são coerentes com nossos conceitos e valores, começa aí o esforço para a transformação da alma.

*   *   *

A vida é exatamente essa oportunidade que a Providência Divina nos oferece para que a modificação da alma, para melhor, se faça.

E para tanto, nossa vida é pródiga de oportunidades para modificarmos as coisas da alma que precisam ser mudadas.

Seja a esposa intolerante, o marido incompreensível, o filho exigente, o chefe às vezes tirano, todos nos oportunizam a chance de experimentar outros valores e desenvolver renovados sentimentos na alma.

Muitas vezes, o convite da vida vem através da doença, do revés financeiro que nos abala, ou do ente querido que parte para o Mundo Espiritual nos deixando órfãos emocionalmente.

Todos esses desafios que a vida nos oferece são convites silenciosos que ela nos faz, nos oferecendo a chance de renovar paisagens emocionais, repensar posicionamentos e principalmente, redirecionar nossos passos para caminhos que nos conduzam à felicidade.

Em qualquer momento de sua vida, perceba ser ela oportunidade bendita que Deus lhe oferece de iniciar a construção do Reino de Deus dentro de você.

Redação do Momento Espírita.

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

A VIAGEM DO AUTOCONHECIMENTO



Se não fosse a persistência desse grande vulto 
que é Allan kardec, o que teria sido de todos
nós? De mim, que despertei, realmente, com a
leitura do livro dos espíritos, do evangelho
consolador, para abraçar o mundo espiritual das
grandes verdades que a codificação encerra.



Todo aquele que quiser ser espírita, tem de
deixar muito da sua ânsia de ser compreendido.


Não pode ser hipersensível, não pode mergulhar
nas susceptibilidades. Tem de ser, realmente,
fraterno e compreensivo. Porque todos nós
estamos na terra numa grande viagem, vocês
encarnados principalmente.

Nessa grande viagem, vocês sofrem as condições
exteriores de agressões, de lutas, provas,
enfermidades.


Mas vocês estão, também, realizando uma
grande viagem interior. Vocês estão conhecendo
o caráter, a personalidade, os sentimentos que
vocês agasalham dentro da alma e do coração e
que só vocês conhecem.

Essa viagem interior, que todos os espíritas
devem fazer, que se todas as criaturas a
fizessem seria muito bom, é aquela de auto
reconhecimento.


Sabemos que estamos caminhando, trazendo
muita coisa que podemos deixar pelos caminhos
da terra, para que as nossas almas sejam aladas
e consigam empreender o grande vôo para o
cimo da Luz.

Sem essa viagem interior com esses
permanentes bloqueios que nós teimamos em
fazer, não reconhecendo nossas falhas, nossas
dúvidas, nossos conflitos, nossas neuroses,
nossos traumas, transferindo sempre para o
exterior tudo o que sofremos - nós não
conseguiremos obter a nossa libertação.


É preciso, meus filhos, viajarmos dentro de
nossa própria alma. Porque na grande viagem
reencarnatória, dependendo ou não de vocês,
vocês terão lutas e problemas, que, muitas
vezes, esse ponto de agressão, de sentimentos
inferiores. Mas, dentro do nosso espírito não,
somos senhores absolutos do que pensamos, do
que queremos, do que realizamos. Por isso, se as
nossas chagas interiores, só nos mesmos
podemos curá-las.

Que o mestre, que com suas mãos chagadas
cura as chagas de nossas mãos, que nem
sempre trabalham pelo próximo e que, muitas
vezes, se feriram, ferindo semelhantes, que esse
mestre possa, com as suas mãos divinas,
acalentar a todos nós, na luz do seu infinito, do
seu imenso e bondoso amor.



Autor: Bezerra de Menezes
Psicografia de Shyrlene Campo

domingo, 17 de agosto de 2014

LANÇAMENTO DE LIVROS


































Para mais informações de como chegar à Casa Senhora do Carmo, acesse: http://casasenhoradocarmo.blogspot.com.br/p/contato.html


Abaixo, disponibilizamos um breve resumo sobre os livros:






Neste livro, Dom Hélder Câmara aborda o contexto existencial do bem-viver em diversos aspectos: com Deus, consigo próprio, com o outro, com o meio-ambiente e dá destaque especial à perspectiva de uma nova era para o planeta, alertando sobre o momento diferenciado por que passa a humanidade e, consequentemente, sobre a responsabilidade de cada um na edificação desta realidade. 








Joaquim Nabuco marcou a história oficial do Brasil como um dos mais competentes políticos do País na defesa da abolição da escravatura negra no século 19. Fundador da Academia Brasileira de Letras, onde foi seu primeiro Secretário Geral, atuou também como jornalista, advogado e diplomata. Tornou-se o primeiro Embaixador brasileiro nos Estados Unidos, onde desencarnou em 1910. Seu cortejo mostrou a proporção de sua importância no cenário nacional e internacional da época, tendo seu corpo físico sido velado em Washington, Rio de Janeiro e depois sepultado no Recife, sua terra natal. Agora, Joaquim Nabuco, em espírito, revela-se no livro “Cartas de um Imortal”. O livro é divido em três partes, ou melhor, em três blocos de carta: Cartas à República, Cartas à Imortalidade e Cartas enviadas para ele.
Na primeira parte do livro descortina sobre os problemas atuais vistos numa ótica espiritual, vislumbra um novo Brasil que emergirá neste século e sua importância no contexto contemporâneo da transição planetária. A análise das temáticas social, política e econômica são trazidas num estilo elegante e elucidativo. Em seguida, o “Dândi”, como era chamado por muitos por causa de sua beleza, debruça-se sobre as questões metafísicas e morais, trazendo suas considerações da realidade espiritual. Por fim, alguns amigos e admiradores escrevem para ele como André Rebouças, José do Patrocínio, Ruy Barbosa e Gilberto Freyre, entre outros. A introdução do livro é feita por um ex-companheiro da Câmara dos Deputados do Império, Adolfo Bezerra de Menezes. Para apresentar Joaquim Nabuco para o grande público, sobretudo os que não o conhecia, o ex-ministro da Fazenda e do Meio-Ambiente e ex-governador de Pernambuco, Gustavo Krause, apresenta as diversas qualidades deste orador com fama além-mar.
O depoimento pós-vida física de Joaquim Nabuco se junta a tantos outros como um brado à sobrevivência do ser depois da morte e a lembrança de sua condição imortal como meio para reflexão e promoção de sua transformação de pensar e de agir. É um livro para todos e não especificamente para o público espírita e espiritualista. Na carta intitulada Somos Todos Imortais, ele arrebata: “Não continueis a vos enganar de que as tintas da matéria serão aquelas únicas que desenharão o vosso existir. Esqueçai-as em função daquilo que representa a eternidade, a perenidade de nossos atos”.
Todo o livro, Joaquim Nabuco conclama aos intelectuais, aos profissionais liberais, à elite do País, dobrarem-se diante da realidade verdadeira do espírito e os valores oriundos desta nova perspectiva existencial, abolindo de vez o preconceito com as questões espirituais e sentencia: “A este novo mundo que será construído, muitos homens de boa-fé e grande inteligência descerão a Terra em missão para a adoção de um novo ritmo de vida, pela implantação de novo modo de relacionamento, da busca de novos valores humanos”.

Valores dos Livros:
Cartas de um Imortal: R$ 45,00 (Joaquim Nabuco)
Em Razão de Viver: R$ 35,00 (Dom Hélder Câmara)
Novas Utopias: R$ 35,00 (Dom Hélder Câmara)
No Coração de Deus: R$ 20,00 (Dom Hélder Câmara)
Um Novo Olhar: R$ 30,00 (Carlos Pereira)

Esperamos por você!




quinta-feira, 14 de agosto de 2014

UMA LIÇÃO DE VIDA

Uma senhora idosa, elegante, bem vestida e penteada, estava de mudança para uma casa de repouso pois o marido com quem vivera 70 anos, havia morrido e ela ficara só…

Depois de esperar pacientemente por duas horas na sala de visitas, ela ainda deu um lindo sorriso quando uma atendente veio dizer que seu quarto estava pronto. 
A caminho de sua nova morada, a atendente ia descrevendo o minúsculo quartinho, inclusive as cortinas de chintz florido que enfeitavam a janela.
- Ah, eu adoro essas cortinas – disse ela com o entusiasmo de uma garotinha que acabou de ganhar um filhote de cachorrinho.
- Mas a senhora ainda nem viu seu quarto…
- Nem preciso ver – respondeu ela. – Felicidade é algo que você decide por princípio. E eu já decidi que vou adorar! É uma decisão que tomo todo dia quando acordo. Sabe, eu tenho duas escolhas: Posso passar o dia inteiro na cama contando as dificuldades que tenho em certas partes do meu corpo que não funcionam bem… ou posso levantar da cama agradecendo pelas outras partes que ainda me obedecem. Cada dia é um presente. E enquanto meus olhos abrirem, vou focaliza-los no novo dia e também nas boas lembranças que eu guardei para esta época da vida. A velhice é como uma conta bancária: Você só retira daquilo que você guardou. Portanto, lhe aconselho depositar um monte de alegria e felicidade na sua Conta de Lembranças. E como você vê, eu ainda continuo depositando. Agora, se me permite, gostaria de lhe dar uma receita:
1- Jogue fora todos os números não essenciais para sua sobrevivência.
2- Continue aprendendo. Aprenda mais sobre computador, artesanato, jardinagem, qualquer coisa. Não deixe seu cérebro desocupado.
3- Curta coisas simples.
4- Ria sempre, muito e alto. Ria até perder o fôlego.
5- Lágrimas acontecem. Aguente, sofra e siga em frente. A única pessoa que acompanha você a vida toda é VOCÊ mesmo. Esteja VIVO, enquanto você viver.
6- Esteja sempre rodeado daquilo que você gosta: pode ser família, animais , lembranças, música, plantas, um hobby, o que for. Seu lar é o seu refúgio.
7- Aproveite sua saúde. Se for boa, preserve-a. Se está instável, melhore-a. Se está abaixo desse nível, peça ajuda.
8- Diga a quem você ama, que você realmente o ama, em todas as oportunidades.
E LEMBRE-SE SEMPRE QUE:
A vida não é medida pelo número de vezes que você respirou, mas pelos momentos em que você perdeu o fôlego …
de tanto rir …
de surpresa …
de êxtase …
de felicidade!
Simples assim!!!
Autor desconhecido

terça-feira, 5 de agosto de 2014

segunda-feira, 4 de agosto de 2014

SOMOS CO-CRIADORES DO NOSSO FUTURO!

Soledad Vulgaris

Amigos queridos da Casa Senhora do Carmo, trazemos uma importante mensagem de Luz. Vamos refletir 
sobre nossas escolhas, quanto     mais consciente estivermos melhores 
elas serão.

Fiquem na Paz do Divino Criador!




Saudações:
Eu Sou Asthar Sheran e venho em Missão de Paz!
Abro essa comunicação para informar que momento importantes chegam até vocês. 
São grandes momentos de escolhas, quando cada povo, cada nação e cada Ser, individualmente, está sendo estimulado a fazer novas escolhas, através da associação entre o Eu Superior individual e o Eu Superior de sua própria nação e, 
consequentemente, com o Logos planetário.
Este processo acontece nos planos superiores e interiores, de forma consciente ou inconsciente. Porém, quanto mais conscientes estiverem, melhores e mais elevadas serão as suas escolhas.
De agora em diante, cada vez mais, ficará ao critério de suas decisões internas, escolhas e focos, os novos rumos, não apenas de suas vidas pessoais, como também das experiências vividas coletivamente em suas respectivas nações.
O Planeta Terra avança mais uma etapa rumo à Luz e ao crescimento e, 
a cada passo que avançam, chegam mais próximo de nós, membros da Confederação de Povos Intergalácticos.
Como em todo o Universo, conforme Seres, povos e nações crescem, ampliam-se as responsabilidades e o resultado final é o assumir o comando completo da vida pessoal e da realidade planetária.
Desejo que saibam que, neste momento, cada povo está tendo a oportunidade de escolher novos programas e os comandantes de todas as nações se ajustarão às suas escolhas.
Conscientizem-se, pois, sobre a importância de seus sentimentos, pensamentos e ações, pois expressam suas escolhas. Busquem sincronizar as suas escolhas com seus sentimentos, pensamentos e ações, a fim de transmitirem mensagens coerentes.
Estamos apoiando-os. E desejam que saibam que as nossas intenções estão focada no suprimento de toda e qualquer necessidade, em todos os povos e nações.
O Amor Incondicional vibra mais forte agora. Sigam nesta direção.
Continuem elevando-se para níveis mais altos da existência.
Vocês estão Co-criando o próprio futuro: individual e coletivo!

Em Luz,
Asthar Sheran,
À Serviço do Cristo!
Através de Tania Resende,
Em 24/06/2014.

Clique aqui e acesse a fonte: Anima Mundhy