domingo, 17 de junho de 2012

O VALOR DO SORRISO


   “ Um sorriso nada custa, mas vale muito e muito.
   Enriquece quem o ganha e quem o dá não fica pobre.
   Dura apenas um instante, mas pode, na lembrança, durar eternamente.
   Ninguém é rico assim que o possa desprezar, nem é tão pobre não o possa dar.
   Traz ao lar felicidade; nos negócios é esteio e é a prova mais palpável de uma profunda amizade.
   Um sorriso dá repouso a quem se acha cansado e a quem está desanimado dá nova força e coragem; consola na tristeza e em todas as nossas penas é o mais caseiro remédio.
  Ninguém o compra, nem empresta, nem o rouba, pois só vale no instante em que o damos livremente.
   E, se um dia encontrardes quem vos negue o seu sorriso, dai-lhe generoso o vosso, pois ninguém precisa tanto do conforto de um sorriso, como aquele pobrezinho que fechado em si, sozinho, não aprendeu a dá-lo.”

Pe. Glauco S.J